comunicacao.eliane 05 de abril de 2012 at 17:01h

Lançada II Virada Cultural de Toledo

Música, circo, teatro, ginástica rítmica, dança, artes cênicas, capoeira, maculelê, culinária típica, exposições de artes serão algumas das atrações da II Virada Cultural de Toledo, nos dias 21 e 22 de abril. Na quarta-feira, 4, em frente ao Teatro Municipal, no lançamento do evento, a população teve uma pequena mostra do que será A II Virada, com várias apresentações artísticas. Concentrado em três palcos, sendo dois no Parque Ecológico Diva Paim Barth, e um no Teatro Municipal de Toledo, os artistas locais e convidados terão um espaço privilegiado durante a II Virada Cultural para mostrar os seus talentos e interagir com o público. A programação começa no sábado, 21, às 16h, e prossegue até o domingo, 22, por volta das 21h. Em todos os locais, o acesso é gratuito. No lançamento foi divulgada a programação completa e mostrados os materiais que serão utilizados na campanha de divulgação.
Ao todo são 56 apresentações de artistas locais, mais os convidados de fora, entre eles Jair Rodrigues, A Banda Mais Bonita da Cidade, Teatro Mágico, Terra Celta, Raulzito (cover de Raul Seixas) e Chris Duran, com música gospel, uma novidade neste ano. “São atrações para todos os gostos e idades”, comenta a secretária municipal de Cultura, Rosângela Reche. “Tivemos a preocupação de valorizar os artistas locais, abrindo espaço para apresentações e também remunerando com um cachê simbólico, além de oferecer uma diversidade muito grande de atividades”, complementa.
Além das apresentações previstas nos três palcos (Horto e Aquário, no Parque Ecológico Diva Paim Barth) e no Teatro Municipal, serão realizadas atividades paralelas incluindo exposição de trabalhos de artistas locais, interação com o público por integrantes do Circo Ático, praça de alimentação, atividades com as crianças à noite no Parque Frei Alceu, no Jardim Porto Alegre, trilha interpretativa no Parque das Aves, visitas ao Aquário Municipal, exposição de artesanato, antiguidades, equipamentos dos Bombeiros e Polícia Militar, de livros, entre outras atividades.
“É uma iniciativa muito boa, uma oportunidade, tanto para os artistas mostrar os seus talentos, quanto para o público, que pode ver excelentes shows sem pagar nada”, avalia a professora Neiva Cavasini, que acompanhou na quarta-feira o lançamento da II Virada Cultural. “Pelo que a gente viu aqui, a segunda edição vai ser excelente. Está muito bem organizado e com uma diversidade muito grande de atrações”, acrescentou. O produtor cultural José Fernandes Cordeiro, de Cascavel, elogiou a iniciativa, a diversidade de atrações e a valorização dos artistas locais com o pagamento de um cachê. “Independente do valor, é importante que os artistas recebam pelo seu trabalho. É uma forma de valorização”, destacou ele, que fez questão de vir a Toledo para ver como estava sendo organizado o evento. Ele ressaltou ainda o palco privilegiado que a Virada oferece, com um público diversificado e que muitas vezes não tem tanto acesso à cultura por falta de condições financeiras.
Sentado nas escadarias do Teatro Municipal, onde foram feitas as apresentações, o prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato, falou sobre a iniciativa, copiada de São Paulo, no ano passado. Neste ano, destacou ele, foram trazidas algumas novidades. Ele elogiou o trabalho desenvolvido pela Secretaria de Cultura e disse que espera que o evento seja aprimorado a cada ano e que se consolide com a participação ativa dos artistas e do público. “Queremos que vocês nos ajudem e decidam conosco quanto deverá ser destinado no próximo ano no Orçamento do município para que o futuro prefeito de Toledo mantenha este evento no calendário”, pediu Schiavinato. Neste ano, acrescentou, a Virada será enriquecida com novas atrações nacionais, além da participação local, e o show gospel, congregando mais um segmento da sociedade que aprecia este gênero musical.
Schiavinato convidou a população a prestigiar, participando ativamente da programação, e ressaltou que todas as atividades serão mantidas, mesmo com chuva. Neste caso, a programação do Parque Ecológico será transferida para o Ginásio de Esportes Alcides Pan. “Vamos torcer para que não chova neste dia, mas se chover, ainda assim, teremos mais de 24 horas de cultura”.
O lançamento foi prestigiado também por outras autoridades locais e parceiros do projeto, entre eles a Associação Comercial e Empresarial de Toledo, Itaipu Binacional, Copel, Sanepar, SESC, Sesi,  Cervejaria Colônia e Polícia Militar do Paraná.