comunicacao.fabio 08 de Abril de 2022 at 17:40h

Diversas ações marcam a 1ª Semana da Proteção Animal

Acontece neste sábado (9), no Parque Ecológico Diva Paim Barth, uma troca de mudas de árvores frutíferas e nativas por ração de animais (cães e gatos). A ação é desenvolvida pela Secretaria de Desenvolvimento Ambiental e Saneamento (SMDAS), por meio da coordenação de Proteção Animal como parte da programação da 1ª Semana da Proteção Animal. Cada quilo de ração doada, será entregue uma muda de árvore fornecida pelo Instituto Água e Terra (IAT), ao todo estão disponíveis 900 mudas. 

 

Também será realizada uma feira de adoção de animais adultos a partir das 14h30 no Parque Ecológico com a presença do Tchutchucão, mascote da Secretaria de Meio Ambiente. Pontos de arrecadação de ração estão espalhados na cidade, principalmente nas redes de supermercados Primato, Muffato e Max Atacadista. 

 

“Temos vários focinhos carentes em busca de um lar em nossa cidade. Essa é uma grande oportunidade de adotar um mascote e de contribuir doando ração ou até mesmo um brinquedo pet durante a feira”, salientou o secretário de Desenvolvimento Ambiental e Saneamento, Junior Henrique Pinto. 

 

Proteção Animal

Na noite desta quinta-feira (7) vários protetores e protetoras independentes se reuniram com gestores da SMDAS e com o prefeito Beto Lunitti para discutir sobre como melhorar as ações de proteção e cuidados com os animais, principalmente aqueles resgatados em função de maus tratos. A unidade K9 da Guarda Municipal e o cão Red Bull participaram da atividade.

 

“Foi um espaço que criamos dentro da Semana de Proteção Animal para ouvir as protetoras e dialogar sobre a vivência diária de cada uma delas. Foi uma grande oportunidade para troca de experiências, para esclarecermos dúvidas sobre os serviços oferecidos e as limitações que cada órgão e cada protetor tem na defesa dos animais”, avaliou a médica veterinária Júlia Orlando Heiss, coordenadora da Proteção Animal de Toledo. 

 

O prefeito Beto Lunitti anunciou que já foram investidos mais de R$500 mil este ano e para 2023 será mantido esse investimento para as ações de defesa e proteção animal. Ele dialogou sobre possibilidades de ajuda também às protetoras que realizam resgate ou que são voluntárias para lares temporários de animais resgatados. 

 

Para melhorar as ações de Educação Ambiental, as protetoras sugeriram campanhas nas redes sociais para esclarecer a população sobre como evitar maus tratos para animais e também para demonstrar como é possível ser voluntário para um lar temporário sem necessariamente arcar com custos de tratamentos ou outros gastos necessários. Para isso, reforçaram a rede de apoiadores e voluntários interessados no bem estar animal. 

 

Educação Ambiental

Crianças, adolescentes e jovens atendidos por diversos serviços de convivência do município participaram de várias atividades relacionadas à proteção animal. Em oficinas, aprenderam a criar brinquedos a partir de materiais reaproveitáveis como garrafas pets e poder se divertir com seus bichinhos de estimação. Em função da chuva, a Trilha Ecológica foi substituída por pinturas e desenhos de animais, seguidas da apresentação da unidade K9 da Guarda Municipal. 

 

Rockato

No próximo domingo (10) acontece o encerramento da 1ª Semana da Proteção Animal com a realização de uma feira de adoções e de mais uma edição do Rockato, promovito pela Ong Associação dos Focinhos Carentes de Toledo (Afocato) em parceria com a Secretaria de Cultura.