jose.seide 22 de Abril de 2022 at 07:59h

Sem óbitos por Covid-19 há mais de um mês, Toledo mantém bandeira verde

Sem registrar óbitos por Covid-19 há mais de um mês (o último foi em 15 de março - paciente do sexo feminino, com 62 anos de idade), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Toledo manteve a bandeira verde, a qual significa “risco muito baixo de contágio”, sobretudo àqueles que estão com o esquema vacinal completo. Na semana epidemiológica 15/2022 (de 10 a 16 de abril), 75 testes positivos para o novo coronavírus (Sars-Cov-2) foram registrados, o que representa média móvel de 10,71 casos por dia, um aumento de 37,5% em comparação aos 14 dias anteriores. Considerando que 39 pessoas se recuperaram da doença, havia 81 pacientes ativos, isto é, que ainda estavam em tratamento - destes, um encontra-se internado em unidade de terapia intensiva (UTI) e um em leito de enfermaria.

 

Neste período, 803 pessoas notificadas como suspeitas de terem sido infectadas pelo Sars-Cov-2 realizaram exames, sendo 455 na iniciativa privada e 348 pelo Sistema Único de Saúde (SUS) - 337 testes rápidos e 11 RT-PCR, os quais 37 e 0, respectivamente, detectaram a presença do patógeno - 25 RT-PCR estavam em análise até o último sábado (16). Esses dados indicam uma taxa de positividade de 9,33%. Em números absolutos, os bairros com maior número de casos são La Salle e Centro (15, cada), Pancera (5), Europa, Gisela, São Francisco, Industrial e Panorama (4, cada).

 

Com esses números, Toledo apresenta um total de 43.315 casos confirmados, 42.734 pessoas recuperadas e 500 pacientes que vieram a óbito em virtude da Covid-19. A SMS informa que, embora o Decreto Estadual nº 10.596/2022 (ao qual Toledo aderiu integralmente por meio do Decreto nº 414/2022) tenha retirado a obrigatoriedade do uso de máscara em quaisquer ambientes, esta continua sendo recomendada para pessoas que apresentem sintomas gripais. 

 

Vacinação

Outro cuidado fundamental é manter em dia as vacinas, tomando as doses no tempo recomendado pelo Ministério da Saúde, evitando, assim, possíveis complicações, hospitalizações e óbitos. Por falar nisso, Toledo, até o momento, aplicou 298.573 doses do imunizante contra o Sars-Cov-2, sendo 119.635 primeiras doses, 110.573 segundas doses, 53.910 doses de reforço para pessoas acima dos 18 anos, 484 doses adicionais para imunossuprimidos e 4.381 doses únicas. Em relação às crianças dos 5 aos 11 anos, 7.059 receberam a primeira dose e 2.351 já tomaram a segunda - ao todo, 1.407 unidades vacinais contra a Covid-19 foram aplicadas em Toledo na semana epidemiológica 15/2022.

 

Também é importante a prevenção à Influenza, família de vírus que causa a gripe. As doses da campanha nacional contra as variantes mais graves e comuns no Brasil – A (H1N1 e H3N2), B e sazonais –  estão sendo aplicadas, nesta primeira fase, que segue até 2 de maio, nas unidades básicas de saúde (UBS) e unidades saúde da família (USF) de Toledo em trabalhadores da saúde e em pessoas com 60 anos de idade. Quem está nesta faixa etária também pode receber a segunda dose de reforço do imunizante contra a Covid-19.

 

A aplicação simultânea das doses pode ser realizada, desde que o paciente não apresente sintomas gripais ou não tenha contraído Covid-19 nos últimos 30 dias. Neste caso, é necessário aguardar o fim dos sintomas, de maneira que o organismo se recupere completamente para a administração das vacinas. A aplicação segue as orientações previstas no Plano Nacional de Imunização, que orienta a Rede de Atenção Primária em Saúde dos municípios a estimular os cidadãos a atualizar sua carteirinha de vacinação, aplicando doses que se encontram atrasadas.