Cursos de Confeitaria e Panificação da Agência do Trabalhador forma 36 profissionais

Publicado: Qua, 15/05/2024 16:50 | Modificado: Qui, 16/05/2024 17:12
  • A formação aconteceu por intermédio da Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda (SETR)
    A formação aconteceu por intermédio da Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda (SETR)
  • A formação aconteceu por intermédio da Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda (SETR)
    A formação aconteceu por intermédio da Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda (SETR)
  • A formação aconteceu por intermédio da Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda (SETR)
    A formação aconteceu por intermédio da Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda (SETR)

 

O Centro da Juventude Márcio Antônio Bombardelli, no Jardim Europa, recebeu uma cerimônia muito especial na noite desta terça-feira (14). Os participantes dos cursos de aperfeiçoamento em Confeitaria e Panificação receberam o seu reconhecimento público pela conclusão da capacitação viabilizada pela Agência do Trabalhador de Toledo. 

Os 36 formandos receberam aulas de profissionais do Serviço de Aprendizagem Industrial (Senai/PR), através de parceria firmada pelo Governo do Estado por meio do programa Qualifica Paraná. “Esse curso realizado na carreta do Senai/PR com recursos do Governo do Estado, sem custo para nós, foi muito legal. Essa é a postura do governo de fazer qualificação e proporcionar acesso ao mercado, seja pelo mercado de trabalho, ou seja como empreendedor dentro da área de confeitaria ou panificação”, comentou o secretário municipal do Agronegócio, de Inovação, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Diego Bonaldo. 

Em 2024 devem ser ofertados cursos em 220 localidades, sendo disponibilizadas oito mil vagas em diversas áreas. “Além da qualificação profissional de qualidade, as unidades móveis formam novos alunos, que por falta de tempo ou dificuldade de acesso deixam, muitas vezes, de se qualificar para o mercado de trabalho. Além disso, o projeto conta com um subsídio de até R$600”, explica o diretor da Agência do Trabalhador, Amir Kanitz. 

O vice-prefeito, Ademar Dorfschmidt, lembrou de como a qualificação é uma das partes mais importantes das ações conjuntas que o município realiza visando o desenvolvimento econômico. “Desde desburocratização, facilitação para abertura de microempresas individuais (MEI´s), incentivos para os empreendedores, intermediação de qualidade para quem procura e para quem oferece trabalho, tudo isso funciona se tivermos pessoas qualificadas para trabalhar e empreender. Por isso a administração terá investido, nesses quatro anos, cerca de R$1 milhão em capacitações abertas ao povo de Toledo”.

O secretário do Trabalho, Qualificação e Renda do Estado, Mauro Moraes, foi representado pelo seu assessor, Anderson Miranda. A solenidade de formatura também contou com a presença da representante do Senai/PR, Fabiana Soprani; do assessor regional da SERT, Walmor Lodi; e do presidente do Legislativo Municipal, vereador Dudu Barbosa.