Alteração nº 2 ao Edital

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 03/2007 – ALTERAÇÃO Nº 2

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE TOLEDO, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais,

torna público que o Edital de Concurso Público nº 03/2007 passa a vigorar com as seguintes alterações:

a) o Anexo II – Atribuições por Cargos, com as modificações constantes do anexo que integra esta Alteração, relativamente aos cargos de Farmacêutico-Bioquímico (I, II e III) e de Fisioterapeuta (I, II e III);

b) no conteúdo específico para o cargo de Biólogo (I, II e III), no Anexo III – Conteúdo Programático, onde se lê “O sistema nacional de informações sobre o meio ambiente”, leia-se: “O Sistema Nacional do Meio Ambiente – SISNAMA”.

GABINETE DO PREFEITO DO MUNICÍPIO DE TOLEDO, Estado do Paraná, em 14 de setembro de 2007.

JOSÉ CARLOS SCHIAVINATO
PREFEITO DO MUNICÍPIO DE TOLEDO

Publicação: JORNAL DO OESTE, nº 6386, de 15/09/2007

“ANEXO II – ATRIBUIÇÕES POR CARGO

...

FARMACÊUTICO BIOQUÍMICO (I II III)

Descrição Sumária:
Executar, sob orientação, testes e exames hematológicos, sorológicos, bacteriológicos, parasitológicos, citopatológicos e outros, valendo se de aparelhos e técnicas especificas em laboratório de analises clinicas para elucidar diagnósticos; executar atividades referentes a métodos e técnicas de produção, controle de qualidade, analises clinicas, analises toxicológicas e analises de medicamentos; servir a comunidade no campo preventivo e curativo através da seleção, controle, dispensação, informação de medicamento, farmácia clinica e farmacovigilância.

Tarefas típicas:

Na função de Farmacêutico:
- Participar na promoção de atividades de informações de debates e outras ações com a população, profissionais e entidades representantes de classe sobre temas de saúde publica, vigilância sanitária e epidemiológica.
- Proceder a manipulação de insumos farmacêuticos, como medicação, pesagem e mistura, utilizando instrumentos especiais e fórmulas químicas, para atender a produção de remédios e outros preparados;
- Analisará produtos farmacêuticos acabados e em fase de elaboração ou seus insumos, valendo-se de métodos químicos, para verificar qualidade, teor, pureza e quantidade de cada elemento;
- Assessorar autoridades superiores preparando informes e documentos sobre legislação e assistência farmacêutica a fim de fornecer subsídios para a elaboração de ordens de serviço, portarias, pareceres e manifestos.
- Desempenhar outras funções correlatas.

...

FISIOTERAPEUTA (I-II-III)

Descrição Sumária:

Avaliar situações que requeiram a intervenção fisioterápica e aplicar métodos e técnicas profissionais especificas, visando a reabilitação e integração do paciente.

Tarefas Típicas:
- Executar métodos e técnicas prescritas pelos médicos e sob a supervisão destes, com a finalidade de auxiliar na restauração;
- Conservar ou desenvolver a capacidade física do paciente, diminuída por doença ou lesões;
- Atender as consultas fisioterápicas em ambulatórios e unidades de saúde;
- Ajudar a restabelecer deficiências musculares;
- Recuperar pessoas que apresentam dificuldades motoras associadas ou não a problemas mentais;
- Desenvolver programas de prevenção educativa ou recreativa que tenham por objetivo a readaptação física ou mental dos incapacitados;
- Informar o médico e solicitar orientação sobre o quadro inicial e a evolução ou não do paciente;
- Dar assessoria quanto às questões relativas à sua competência;
- Proceder avaliação e elaborar programas de atendimento fisioterapêutico dos educandos, dando parecer diagnóstico;
- Atender educandos que necessitem de reabilitação ou reeducação fisioterapêutica, encaminhando para serviços ou para profissionais específicos, quando necessário;
- Orientar o corpo docente e administrativo das escolas e outras instituições quanto as características de desenvolvimento dos educandos, bem como sugerir estratégias diferenciadas de acordo com as necessidades do aluno;
- Orientar a família quanto a atitudes e responsabilidades no processo de educação e/ou reabilitação do educando;
- Analisar e elaborar relatórios do educando na sua área de atuação;
- Acompanhar o desenvolvimento do educando na escola regular ou em outra modalidade de atendimento em educação especial;
- Participar da equipe multidisciplinar visando avaliação diagnóstica, estudo de caso, atendimento e encaminhamento de educandos;
- Participar e contribuir junto à comunidade em programas de prevenção, identificação, encaminhamento e atendimento de educandos portadores de excepcionalidade;
- Realizar assessoramento psicoeducacional junto aos profissionais que atuam diretamente com o educador portador de excepcionalidade;
- Participar em reuniões de estudo de caso com profissionais afins;
- Desempenhar outras atividades correlatas.

...”