Circo da Alegria é tombado como patrimônio histórico e cultural de Toledo

Publicado: Seg, 23/10/2023 16:41
  • Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
    Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
  • Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
    Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
  • Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
    Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
  • Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
    Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
  • Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
    Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
  • Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo
    Câmara Técnica do CMPCT também autorizou tombamento do Festival Nacional de Circo Social e da Mostra de Circo Social, eventos promovidos pelo grupo

 

A partir de agora, o Circo da Alegria, projeto que oferece há mais de 30 anos atividades circenses a crianças e adolescentes que moram na região do Jardim Europa em parceria com a Escola Municipal Anita Garibaldi, é um patrimônio histórico, cultural e artístico de Toledo. O Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Toledo (CMPCT) deliberou parecer da Câmara Técnica na última sexta-feira (20) aprovando por unanimidade o tombamento.

Conforme o presidente do Conselho, Paulo Jorge Silva de Oliveira, o processo de tombamento é um instrumento regulamentado pela Lei Municipal n.º 153/2016 para reconhecimento e valorização do patrimônio histórico e cultural do Município de Toledo. “Desde que esta lei passou a vigorar, 2016, qualquer cidadão pode fazer a solicitação de tombamento de um bem, que passará pela análise técnica, de legitimidade, mérito, relevância pública e também documental. O Conselho recebeu no fim de 2019 indicação feita pela então vereadora Marli Gonçalves Costa e, deste modo, o Conselho acolheu a solicitação e durante um ano fez a análise”, explica. 

Segundo a secretária da Cultura e conselheira nata do CMPCT, Rosselane Giordani, esta é uma grande conquista e um reconhecimento histórico da importância e do impacto social e cultural que o projeto do Circo da Alegria tem para a história da cultura do Município de Toledo. “É preciso salientar que a Unesco [Organização das Nações Unidas para a Educação e Cultura] e o Ministério da Cultura entendem como patrimônio cultural imaterial todas as práticas, representações, expressões, conhecimentos e técnicas somados aos instrumentos, objetos, artefatos e lugares que lhe são associados que as comunidades, os grupos e, em alguns casos, os indivíduos reconhecem como parte integrante de seu patrimônio cultural. A história de contribuição tanto no aspecto social quanto no cultural do Circo da Alegria através de gerações ao longo desses 30 anos de projeto reafirmam e projetam como um bem cultural da nossa cidade”, destaca a secretária, que destaca o fato de a Mostra de Circo Social e o Festival Nacional de Circo Social, eventos anuais promovidos pelo projeto.

Atualmente, o Circo da Alegria tem Dado Guerra na coordenação-geral e Paula Bombonatto como instrutora e coordenadora pedagógica – os professores são marido e filha, respectivamente, da fundadora do grupo, Tânia Piazzetta. “A notícia do tombamento tanto do circo quanto dos eventos que promovemos trouxe muita alegria à equipe atual e a todos os profissionais e alunos que já passaram pelo projeto. É um ato relevante que reconhece o trabalho que tem sido realizado nestas três décadas de circo, repletas de desafios superados e conquistas e, ainda por cima, transformando a vida de centenas de crianças e adolescentes. É uma homenagem nos dá força para que sigamos acreditando no projeto, com ainda mais ânimo para lutarmos por esta causa pelos próximos anos, pois esse tombamento fará com que nós mesmos e toda a sociedade de Toledo olhe de forma diferente para esta política pública”, avalia Dado.