A partir desta sexta-feira (6), Toledo será movimentada por atrações da 2ª Flit

Publicado: Qui, 05/10/2023 16:08 | Modificado: Qui, 05/10/2023 17:27
  • Evento, que prossegue até quinta (12), terá 42 atividades em vários pontos da cidade, a maioria no Centro Cultural Oscar Silva e na Praça Willy Barth (foto)
    Evento, que prossegue até quinta (12), terá 42 atividades em vários pontos da cidade, a maioria no Centro Cultural Oscar Silva e na Praça Willy Barth (foto)
  • Evento, que prossegue até quinta (12), terá 42 atividades em vários pontos da cidade, a maioria no Centro Cultural Oscar Silva e na Praça Willy Barth (foto)
    Evento, que prossegue até quinta (12), terá 42 atividades em vários pontos da cidade, a maioria no Centro Cultural Oscar Silva e na Praça Willy Barth (foto)

 

A Capital da Cultura do Oeste do Paraná começa a viver, a partir desta sexta-feira (6), as emoções da 2ª Festa Literária de Toledo (Flit). O evento, que prossegue até a próxima quinta-feira (12), terá 42 atividades que serão realizadas em vários pontos da cidade, a maioria no Centro Cultural Oscar Silva, onde funciona a Biblioteca Pública Municipal, e na Praça Willy Barth, onde foram montados estandes para a 2ª Feira do Livro e para as atrações da Tenda Flit, que foi preparada para receber mais de 3.000 alunos da rede municipal de ensino dos 3º e 5º anos do Ensino Fundamental.

E é justamente neste espaço onde ocorrerão as primeiras atrações da feira: oficina de capoeira com o professor Henrique Laurentino (às 9h e 14h), contação de histórias (às 9h30 e 14h, que também será realizada na Biblioteca Pública), apresentação artística com Lulu Canezin e espetáculo teatral infantil “O passe e o gol” (parceria com Sesc/PR). Na Biblioteca Pública Municipal será realizada a abertura oficial às 19h e a palestra literária “Narrar o eu, o outro, o tempo” com o escritor Julián Fuks, que será mediada pelo professor do câmpus Cascavel da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Stanis David Lacowicz.

Enquanto isso, no Colégio Estadual Senador Atílio Fontana, na Vila Pioneira, será ministrada a primeira das 13 oficinas literárias que serão oferecidas durante a 2ª Flit: “As veias abertas da América Latina – Eduardo Galeano – e diálogos intertextuais”, com Andreia Piechontcoski Uribe Opazo (discente do curso de Pós-Graduação em Letras da Unioeste/Cascavel) e Luiz Henrique de Mello e Silva (professor da Secretaria de Estado da Educação). Destas, três estão com as inscrições abertas e gratuitas mediante preenchimento de formulário eletrônico em links que constam na seção “Festivais” do Portal da Cultura (www.toledo.pr.gov.br/portais/cultura/festivais). 

O evento contará com outras atrações: bate-papos, apresentações artísticas de dança, música e teatro, contações de histórias, sarau, entrega de premiações de concursos literários (Paulo Leminski e Edy Braun) e a presença de 13 escritores de renome nacional, regional e local na forma de palestras e mesas-redondas – confira a programação completa no fim da matéria. 

A secretária e curadora da 2ª Flit, Rosselane Giordani, a festa literária tem o objetivo de fomentar ainda mais a formação de novos leitores e dar visibilidade aos escritores locais, regionais e nacionais. “Preparamos uma programação pensada nas pessoas de todas as faixas etárias, a começar pelas crianças que poderão visitar a Feira do Livro, escutar contações de histórias e assistir espetáculos teatrais. Também teremos apresentações artísticas, programação de oficinas direcionadas para estudantes do ensino público, além de mesas-redondas e bate-papos com escritores para os adultos”, descreve. “Pelo encontro de escritores e leitores, posso dizer que a Festa Literária de Toledo é a coroação das políticas públicas do município de incentivo à leitura, expressas em várias ações, como a ampla reforma realizada e entregue recentemente da Biblioteca Pública Municipal, sede da maior parte das atividades do evento. Depois da reinauguração, tornou-se um espaço ainda mais acolhedor e, por isso, deixo aqui o meu convite para a população prestigiar as atrações que acontecerão ali e em outros pontos da cidade”, salienta 

 

Programação completa

FEIRA DO LIVRO - PRAÇA WILLY BARTH

6 e 9 a 12/10 - 8h30 às 21h

7 e 8/10 - 10h às 21h

 

6/10 - SEXTA-FEIRA

9h e 14h - Oficina de capoeira com o professor Henrique Laurentino, na Tenda Flit (Praça Willy Barth)

9h30 e 14h - Contação de histórias, na Biblioteca Pública Municipal e na Tenda Flit

18h - Apresentação artística com Lulu Canezin, na Tenda Flit

19h - Abertura Oficial da Flit, na Biblioteca Pública;

19h30 - Palestra literária “Narrar o eu, o outro, o tempo”, na Biblioteca Pública Municipal, com o escritor Julián Fuks – Mediação de Stanis David Lacowicz, professor da Unioeste/Cascavel

19h30 - Espetáculo teatral infantil “O passe e o gol” (Sesc/PR), na Tenda Flit

19h45 - Oficina “As veias abertas da América Latina – Eduardo Galeano – e diálogos intertextuais”, com Andreia Piechontcoski Uribe Opazo (discente do curso de Pós-Graduação em Letras da Unioeste/Cascavel) e Luiz Henrique de Mello e Silva (professor da Secretaria de Estado da Educação), no Colégio Estadual Senador Atílio Fontana (Vila Pioneira)

Quem é Julián Fuks? Nascido em São Paulo em 1981, é autor de “A procura do romance” e “Histórias de literatura e cegueira”, ambos finalistas dos prêmios Jabuti e Portugal Telecom, e dos romances “A resistência”, traduzido para cinco línguas e vencedor dos prêmios Jabuti de Livro do Ano de Ficção e Melhor Romance (2016), Saramago (2017) e Anna Seghers (2018), e “A ocupação”, finalista dos prêmios São Paulo de Literatura e Oceanos (2020). Foi eleito pela revista Granta "um dos melhores jovens escritores brasileiros".

 

7/10 – SÁBADO

9h30 - Espetáculo Teatral Infantil “O passe e o gol” (Sesc/PR), na Tenda Flit

11h - Apresentação artística com o Grupo Ceato Nippon Taiko, na Tenda Flit

15h30 às 17h30 - Bate-papo com o Grupo Leia Mulheres Toledo, na Biblioteca Pública Municipal

19h - Palestra “Desenhos sem medo”, com o escritor e desenhista André Dahmer

Quem é André Dahmer? Desenhista, poeta e artista plástico, criador das séries “Malvados”, “Quadrinhos dos Anos 10”, “Apóstolos”, entre outras. Vencedor de quatro prêmios HQMIX, mantém tiras nos jornais O Globo e Folha de S.Paulo e é autor também dos livros “Vida e obra de Terêncio Horto” e “Malvados” e “Impressão sua”.

 

8/10 – DOMINGO

10h às 11h30 - Oficina “A Poesia em Cores: Expressão Criativa”, com Jocimar Berteli (doutoranda em Letras pela Unioeste/Cascavel) e Lays Maynara Fenilli (doutoranda em Letras pela UEM/Maringá), no Auditório da Biblioteca Pública Municipal (Centro Cultural Oscar Silva)

16h30 às 18h - Bate-papo “Da escrita ao livro”, com as escritoras locais Gisele Hansen (Cascavel) e Eliana Massola (Toledo) – Mediação da jornalista e escritora Edna Nunes

18h às 19h - Apresentação artística com os músicos Gianni Ambrosino e Michel Meneghini, na Tenda Flit

19h - Palestra “Poesia criativa e escritoras negras” com a escritora Ryane Leão – Mediação da jornalista e curadora da 2ª Flit, Rosselane Liz Giordani

Quem é Ryane Leão? Poeta e professora brasileira, tornou-se popular por meio da partilha de seus textos nas redes sociais. Radicada em São Paulo, estudou Letras na Universidade Federal do Estado de São Paulo (Unifesp) e, em 2008, começou a divulgar seus textos em "lambe-lambes" espalhados pela capital paulista, além de participar de saraus e slams em seu perfil no Instagram. Em 2016 realizou uma campanha de financiamento coletivo para o lançamento de seu primeiro livro. No ano seguinte, já com o apoio de uma editora, publicou “Tudo Nela Brilha e Queima”, marcado pelo ativismo em defesa dos direitos das mulheres negras.

 

9/10 – SEGUNDA-FEIRA

9h30 e 15h - Apresentação artística com a Banda da Secretaria Municipal da Cultura, na Tenda Flit

13h30 às 16h30 - Oficina “Poesia em Jogo: Despertando a criatividade através da Poesia“, com Neilde Silva de França e Priscila Andressa Crepaldi Venturim (discentes do curso de Pós-Graduação em Letras, da Unioeste/Cascavel), no Colégio Estadual Novo Horizonte (Jardim Coopagro)

15h às 17h30 - Oficina “Técnicas de Hai Kai”, com a escritora e presidente da Academia de Letras de Toledo (ALT), com Lucrécia Welter, na Biblioteca Pública Municipal

19h às 21h - Mesa-redonda com escritores toledanos: Bruno Radunz e Ricardo Rippel, com mediação do professor Leandro Crestani

19h30 às 21h30 - Oficinas “Ideias e rabiscos: técnicas criativas para exercitar a escrita”, com Leticia Barros Soares (discente do curso de Pós-Graduação em Letras, da Unioeste/Cascavel), no Colégio Estadual Germano Rohden (Vila Paulista).

19h30 às 22h30 - Oficina de Escrita Criativa, com a escritora Karen Debértolis, na Biblioteca Pública

Quem é Karen Debértolis? Escritora e jornalista, nasceu em Londrina e conquistou diversas premiações ao longo dos anos, como uma menção honrosa no Concurso Helena Kollody em 2008, o prêmio Revelações do jornal literário Nicolau (Secretaria de Estado da Cultura) em 1994, bem como o prêmio Trem das Onze em 2011. É autora de “Calidoscópio” (prosa), “Guardados” (poesia), “A estalagem das almas” (prosa), “Prosa de palavras” (prosa). Também gravou o CD de poesia “A mulher das palavras”. Atualmente produz e apresenta o programa “Contracapa - Literatura&Arte”, na Rádio Web Alma Londrina.

 

10/10 – TERÇA-FEIRA

8h30 e 9h30 e 14h às 15h- Atividades simultâneas na Biblioteca Pública Municipal e na Tenda Flit: contação de histórias com o escritor e contador de histórias Danilo Furlan e com Cleonice Dumke e Lysiane Baldo, servidoras da Secretaria da Cultura, e com o Grupo Trapos e Farrapos de Toledo; oficina de ioga para crianças, com Janiele Bueno (servidora da Cultura)

11h30 às 11h45 - Apresentação artística com a Escola de Dança Dançarte, na Tenda Flit

14h às 15h - Oficina “Literatura infantil africana e práticas brincantes”, com Ney Arboleya (professor do Curso de Letras da FAG/Toledo), no Anfiteatro do Colégio Estadual Presidente Castelo Branco (Premen)

13h30 às 15h30 - Oficina “Na rede dos versos: a poesia nas redes sociais”, com Jeciely Ildefonso de Oliveira (discente do curso de Pós-Graduação em Letras da Unioeste Cascavel), no Colégio Estadual Jardim Porto Alegre

16h30 às 18h15 e 18h30 às 20h- Oficinas “Versos, sons, ritmos, Brasil”, com Wagner Souza (professor da Unioeste/Cascavel), no Centro de Esportes e Artes Unificado (CEU das Artes/Santa Clara IV)

19h - Intervenção artística com a escritora cordelista Maria Eunice Silva de Lacerda, integrante da ALT

19h30 - Palestra “Quando os poetas pensam a Educação”, com a escritora Glória Kirinus – Mediação do professor da Faculdade Assis Gurgacz (FAG/câmpus Toledo), Ney Arboleya

Quem é Glória Kirinus? Nascida em Lima, no Peru, e vive no Brasil desde 1970.  Doutora em Letras pela Universidade de São Paulo (USP) e com pós-doutorado pela Université Paris Descartes, é tradutora e autora de livros bilíngues de literatura infantil e juvenil. e de livros teóricos na área de Letras e Educação. É integrante da Federação Internacional de Educadores Freinet, da Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil e membro do Conselho Consultivo do site de Leitura e Literatura Infantojuvenil. Publicou sua primeira obra (Sapato falador) em 1985 e, desde então, a autora, lançou diversos livros, destacando-se no cenário da Literatura Infantil e Juvenil brasileira contemporânea. Dentre suas obras, encontramos poesias, contos, crônicas e cartas-histórias. 

 

11/10 – QUARTA-FEIRA

8h30 e 9h30 - Contação de Histórias com o escritor e contador de histórias Danilo Furlan, na Tenda Flit

14h às 15h - Bate-papo, na Biblioteca Pública Municipal, com a escritora Maria Eunice da Silva Lacerda (ALT) a respeito da literatura de cordel – Mediação da jornalista e escritora Edna Nunes;

14h30 e 15h30 - Contação de Histórias com o escritor e contador de histórias Danilo Furlan, na Tenda Flit

15h30 às 17h - Oficina “Onde estão as filósofas?” realizada pelo Programa de Educação Tutorial (PET) do curso de Filosofia da Unioeste/Toledo, sob supervisão da professora Nelsi Kistemacher Welter, no piso superior da Biblioteca Pública Municipal

19h - Palestra “Nas trilhas da literatura indígena” com a escritora Julie Dorrico, na Biblioteca Pública Municipal – Mediação da professora Caroline Recalcatti, coordenadora do setor de Educação da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop).

Quem é Julie Dorrico? Filha de mãe guianense e pai peruano, nasceu em Guarajá Mirim e faz parte da etnia Macuxi. Doutora em Teoria da Literatura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e Mestre em Estudos Literários pela Universidade Federal de Rondônia (UFRO), a escritora é apaixonada desde a infância pelos livros – à época, só havia livros em português na biblioteca da escola da comunidade onde vivia, o que despertou nela o interesse de conhecer melhor suas origens. E este “mergulho” rendeu-lhe, em 2019, o prêmio Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ/UKA Tamoios) de Textos de Escritores Indígenas pelo livro “Eu sou Macuxi e outras histórias”.

 

12/10 – QUINTA-FEIRA

9h às 12h e 14h30 às 18h - Oficina de Confecção de Bonecos e contação de histórias com o escritor e contador de histórias Danilo Furlan, na Biblioteca Pública Municipal (até 40 vagas)

15h – Espetáculo teatral “Criaturas da literatura”, teatro de sombras realizado pela Cia. Lumbra (Porto Alegre/RS), no Centro de Esportes e Artes Unificado (CEU das Artes, no Jardim Santa Clara IV), com entrada gratuita e sem necessidade de retirar convite/voucher

18h30 – Lançamento da coletânea “Edy Braun”, na Biblioteca Pública Municipal

19h – Premiação dos 9º Concurso de Crônicas e Poesias Edy Braun e do 32º Concurso de Contos Paulo Leminski, na Biblioteca Pública Municipal;

19h30 – Espetáculo teatral “Criaturas da literatura”, teatro de sombras realizado pela Cia Lumbra (Porto Alegre/RS), na Biblioteca Pública Municipal, com entrada gratuita e sem necessidade de retirar convite/voucher

19h30 às 22h – Sarau Literário, na Tenda Flit

Quem é Danilo Furlan? Graduado em Pedagogia pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), bonequeiro, contador de histórias, escritor e diretor da Cia. Manipulando Teatro de Animação. Atuou em mais de 20 espetáculos como manipulador de bonecos e contador de histórias. Sua carreira teve início em 1997 e já o levou a participar de festivais importantes, como o Filo (Londrina), o Festival Espetacular de Teatro de Bonecos de Curitiba e a Feira do Livro de Porto Alegre. Como contador de histórias, participou de projetos como: Feira do Livro – Folia Literária do Paraná - Sesc Paranavaí; Feira do Livro – Folia Literária do Paraná – Sesc Umuarama, Maringá, Guarapuava e Campo Mourão; Biblioteca Cidadã da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná; Semana Literária Sesc Maringá (2010); Semana Literária Sesc Ponta Grossa, Festival de Teatro de Bonecos de Maringá (Festebom), entre outros.

Sobre o espetáculo teatral “Criaturas da literatura” – Composta por cenas de teatro de sombras com enredos livremente inspirados em histórias clássicas da literatura universal, como “Dom Quixote”, “Alice no País das Maravilhas” e “O Pequeno Príncipe”, a peça é destinada para todos os públicos. Espetáculo de poucas falas, no qual cada história surpreende pela poética visual e emocional, apresenta algumas das personagens mais queridas da literatura universal. Essas obras clássicas convidam a imaginar um mundo de fantasias onde a curiosidade e as memórias acolhem o sensível de cada um. Tratam-se de criaturas para assistir, ouvir e sentir.