Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo

Publicado: Ter, 06/12/2022 17:58 | Modificado: Qui, 08/12/2022 10:02
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
  • Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo
    Prefeitura e entidades iniciam tratativas para Campus do IFPR em Toledo

 

Em julho de 2022 a Prefeitura de Toledo encaminhou o Ofício nº 474/2022 ao reitor do Instituto Federal do Paraná (IFPR), Odacir Antonio Zanatta, manifestando o interesse da administração municipal na implantação de um Campus da Instituição em Toledo. A provocação resultou na primeira reunião do ‘Grupo de Trabalho do Estudo para a Implantação do Campus do IFPR em Toledo’. Participaram do encontro, realizado no Edifício Charles Darwin nesta terça-feira (06), no Biopark, representantes do Governo Municipal, do IFPR, da Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit) e do Biopark.

Atualmente, Toledo conta com a atuação do IFPR por meio de um Centro de Referência vinculado ao Campus de Assis Chateaubriand. A unidade está instalada junto ao Biopark desde 2017 e a previsão é que 330 estudantes sejam atendidos em 2023. O prefeito Beto Lunitti, acompanhado na reunião de secretários municipais, entre eles Marli Gonçalves Costa (Educação), afirmou que Toledo tem condições de ser uma referência nacional, pois já possui duas universidades federais, e agora busca sua terceira instituição vinculada à União. “São visíveis os benefícios e entendemos esse momento como altamente fértil. Nós queremos, devemos e seremos parceiros para que o sonho de um campus do IFPR se torne realidade”, comentou Beto.

Lunitti aproveitou para destacar os trabalhos do Aluno Conectado que tem levado tecnologia e inovação para as escolas municipais com a adoção de mais de 10 mil tablets para alunos, notebooks para professores, smart TV’s nas quase 500 salas de aula da rede pública vinculada à Secretaria Municipal de Educação (Smed), bem como docentes preparados e internet de alta velocidade. “Queremos encantar nossas crianças e estamos fazendo isso na rede municipal. Temos o desafio agora de convencer o Governo do Estado a oferecer a mesma estrutura nos 29 Colégios Estaduais”, completou a secretária Marli Costa.

Essa busca do município por embarcar tecnologias na educação vem ao encontro do que tem sido proposto pelo Biopark e a chegada de uma estrutura como IFPR somaria ao processo que Toledo já vivencia. “As ideias convergem e isso é importante. É um futuro que está cada dia mais presente. O Biopark tem uma forma muito prática de crescer, de expandir. Nossa meta agora é dar concretude ao sonho. Toledo é fértil, pois a gestão atual tem revolucionado a educação, com ações diferenciadas, implementando inovação e tecnologia nas salas de aula”, disse o diretor de Negócios do parque tecnológico, Paulo Victor Almeida. 

O reitor da IFPR, Odacir Zanatta, apresentou algumas alternativas para a vida do Campus, pois existem cidades onde a presença da instituição não obteve respostas positivas da população, bem como apontou qual a contrapartida deve ser oferecida pelo município, como área para instalação de 60 mil m² e edificação do prédio. “Em determinados municípios, o IFPR não atingiu seus objetivos em relação à atração de alunos. Existe sim a possibilidade de neste momento realizarmos alguns ajustes”. Zanatta ainda acrescenta que Toledo, por seu desejo, se torna uma cidade com muito potencial para receber a estrutura. “Existe uma convergência de toda a sociedade, aqui representada pelo Biopark, ACIT e Prefeitura. Percebemos um desejo da comunidade em contar com a gente aqui. Essa articulação é a cereja do bolo”, concluiu.

O encontro contou com a participação dos representantes do Biopark, Vitor Donaduzzi e Paulo Souza, da presidente da ACIT Anaide Holzbach de Araújo, secretários e servidores municipais e integrantes do IFPR de diversos municípios do Paraná.