Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317

Publicado: Ter, 23/01/2024 18:19 | Modificado: Qua, 24/01/2024 09:58
  • Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317
    Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317
  • Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317
    Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317
  • Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317
    Reunião discute ações para diminuir acidentes em trecho perigoso da PR-317

 

Moradores buscaram a administração municipal com o intuito de discutir soluções para um ponto crítico na PR-317, nas proximidades da ponte do Rio São Francisco, logo após a Pedreira Municipal, trecho onde já aconteceram vários acidentes, resultando em diversas pessoas feridas e mortes. O encontro teve a participação de familiares de Mayara Leidens (29), Mariana Leidens (19) e Lara Leidens de Paula (5). As três perderam a vida no local em um acidente no dia 8 de janeiro.

O encontro contou também com a presença de representantes do governo municipal, entre eles o prefeito Beto Lunitti, a chefe de Gabinete Fabiana Trento e o secretário do Agronegócio, Turismo, Inovação e Desenvolvimento Econômico Diego Bonaldo, e também do comunicador Édio Rosseto. Foram levantadas possibilidades para prevenir novas tragédias como a implantação de radar, criação de área de escape e reforço na sinalização. O prefeito Beto Lunitti expôs que o trecho é administrado pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR), porém buscará acionar representantes do órgão com o intuito de sensibilizar sobre a necessidade de intervenções no local.

“Nós ficamos sensibilizados com o que aconteceu com essa família e vamos nos empenhar para o convencimento do DER da necessidade de se propor algo para que situações como essa não aconteçam mais. Buscaremos o governo estadual, pois essa via é de sua responsabilidade, faremos a interlocução e deixar que eles, dentro das suas competências, nos digam o que pode ser feito naquele trecho para evitar outros eventos trágicos como o que aconteceu com a família Leidens”, disse.

Ao final da reunião, o porta-voz da família Jair Lucas, agradeceu a receptividade do prefeito toledano e dos demais integrantes do governo municipal. “A reunião foi muito produtiva, conversamos com o prefeito que foi muito solícito à nossa demanda. Precisa ser feito algo naquele trecho e, mesmo sabendo que não é competência do município a gestão da via, vimos muita disposição por parte do prefeito Beto [Lunitti]. Acredito que teremos bons resultados e conseguiremos prevenir que outros acidentes aconteçam ali”, concluiu.