Transporte coletivo terá novo sistema para facilitar pagamentos e incentivar uso de ônibus

Publicado: Qua, 22/03/2023 16:20 | Modificado: Sex, 24/03/2023 14:16
  • A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
    A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
  • A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
    A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
  • A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
    A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
  • A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
    A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
  • A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
    A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
  • A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.
    A implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal.

 

Em uma coletiva de imprensa realizada na quarta-feira (22), no Auditório Acary de Oliveira, foi anunciada uma nova ferramenta para melhorar ainda mais o acesso da população ao transporte coletivo urbano. A novidade fica por conta de um aplicativo para cadastro, informação, compra de crédito e atendimento. O sistema entra em funcionamento no próximo dia 21 de abril, mas antes a empresa realizará um amplo trabalho de promoção e informação sobre o sistema a ser adotado. Por dia, cerca de 18 mil pessoas utilizam o transporte público coletivo de Toledo. O preço cheio da tarifa é de R$ 3,50 e estudantes pagam R$ 1,75. 

A nova tecnologia a ser embarcada nos ônibus amplia as opções de pagamento e oferece maior controle para a operadora, melhorando a experiência dos usuários, dos motoristas e da empresa concessionária. O formato foi escolhido, no mês de março, como uma das melhores tecnologias de pagamento do ano, na Transport Ticketing Global 2023. “Esse é um evento mundial, realizado em Londres, que reuniu as maiores empresas de pagamento e operadores de transporte do mundo, tais como Singapura, Madrid, Sidney, Praga, Filipinas, Genebra”, disse o diretor da Pazze, empresa desenvolvedora do aplicativo, Luiz Gruber. 

Para o transporte coletivo em Toledo contar com a ferramenta, a Sorriso, empresa responsável pelo transporte público no município, formalizou uma parceria diretamente com a Pazze. “Implantaremos nosso sistema nos ônibus utilizados no transporte público local a partir do dia 21 de abril. Por isso, gostaria de agradecer a presença da imprensa local e regional aqui e pelo apoio na divulgação deste método que vai trazer muita comodidade para o cidadão”, concluiu o diretor geral do Grupo Sorriso, Juliano Gulin Ribeiro. 

O prefeito Beto Lunitti destacou que a implantação é fruto de várias discussões realizadas com a empresa e a administração municipal com o intuito de facilitar o acesso dos usuários ao transporte público. “Apesar disso, vale destacar que esta ferramenta está sendo disponibilizada pela Sorriso, por meio de uma relação empresarial com a Pazze, sem a interferência direta do poder público. Nosso único interesse é melhorar a vida do cidadão toledano”, frisou.

Além disso, a Prefeitura anunciou a tramitação de um projeto de lei junto à Câmara de Vereadores para isentar estudantes do pagamento de passagens. O benefício vai atender todas as faixas estudantis - anos iniciais até a faculdade - da rede pública e privada. “Durante a pandemia, foi preciso aportar recursos para a manutenção do transporte público e diante da situação a administração municipal implantou o Passe Social, programa incluído no ‘Toledo é + Mobilidade’ e que tem disponibilizado a gratuidade do transporte público para milhares de pessoas”, disse o prefeito Beto Lunitti.

Entre os beneficiados com transporte gratuito estão cidadãos que fazem tratamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e que tenham renda de até dois salários mínimos, idosos de 60 a 64, 11 mese e 29 dias e frequentam os Centros de Revitalização da Terceira Idade (Certis), adolescentes que participam de algum serviço de convivência e quem acessa projetos desenvolvidos por um dos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS), alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), associados da Associação de Catadores de Recicláveis de Toledo (ACATOL), entre outros. 

“Isso representa economia no bolso dessas pessoas. Quem utiliza duas passagens por dia, por exemplo, economizaria no mês mais de R$ 150,00. Em um ano isso representa R$ 1.800,00”, comentou o vice Ademar Dorfschmidt. Já o presidente da Câmara de Vereadores, Dudu Barbosa, destacou que a qualidade de vida do cidadão tem sido colocada em primeiro lugar nas decisões do Poder Legislativo e agradeceu a participação dos demais vereadores e assessores no evento. “Estamos trabalhando pelo bem de todos os toledanos e toledanas”, concluiu.