Dia Mundial da Reciclagem mobiliza comunidade em Toledo

Publicado: Qui, 18/05/2023 16:16 | Modificado: Seg, 22/05/2023 15:45
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
  • O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade
    O Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo realizou campanha “Eletrônico Não é Lixo” e fez uma Blitz da Sustentabilidade

 

Em alusão ao Dia Mundial da Reciclagem, comemorado no dia 17 de maio, o Núcleo dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Núcleo ODS) de Toledo, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e apoio da eMiner, realizou a campanha "Eletrônico Não é Lixo” e a “Blitz da Sustentabilidade". O intuito foi conscientizar a população sobre o descarte correto de itens como pilhas, baterias, carregadores, celulares, eletrodomésticos, modens, lâmpadas e afins. 

A ação foi articulada em parceria com o município vizinho, Cascavel, onde também houve arrecadação de resíduos eletrônicos nos parceiros do Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial (CPCE/ODS) e uma Blitz da Sustentabilidade com a entrega de resíduos no EcoPonto da Manaus e orientação da população sobre a importância da reciclagem. 

Gincana - Para impulsionar a campanha e com o apoio do Núcleo Regional de Educação (NRE), uma gincana foi promovida nos colégios estaduais para fomentar a arrecadação de resíduos eletrônicos, os quais não podem ser direcionados ao lixo comum. Vários colégios participaram e se engajaram na campanha, outros, com arrecadação menor, praticaram o ODS17 (parcerias e meios de implementação) e direcionaram seus resíduos para outros colégios que estavam na disputa. O vencedor levará um microscópio binocular cedido pela empresa eMiner e um dia de recreação na Prati-Donaduzzi. 

Arrecadação - A arrecadação de alguns colégios surpreendeu os organizadores. Apesar da Secretaria do Meio Ambiente não ter divulgado um número exato do material arrecadado, foi possível perceber o volume de alguns resíduos. No Colégio Estadual Atílio Fontana, foram arrecadados 101 celulares. Já no Colégio Jardim Porto Alegre, mais de 800 lâmpadas tiveram a destinação adequada. Entre os diversos itens coletados pelo Colégio Irmão Germano Rhoden, estão 37 televisores e 15 CPUs de computador. 

“A campanha e a gincana foram a largada para novas ações nas questões pertinentes ao gerenciamento de resíduos sólidos do nosso município.  As escolas participantes demonstraram muito engajamento nas coletas dos eletrônicos, recolhendo quantidades significativas de resíduos.  O apoio da Secretaria do Meio Ambiente foi fundamental na organização, principalmente para dar o destino correto de cada resíduo. As comunidades escolares participantes cumpriram os desafios de forma competente. Com os resultados obtidos, o Núcleo Regional de Educação de Toledo investirá na continuidade dessas ações, buscando atingir todas comunidades escolares jurisdicionais”, avaliou a técnica responsável pela Educação Ambiental do NRE, Cristina Barcaro München. 

Segundo Secretário do Meio Ambiente Júnior Henrique Pinto, "desenvolvemos essa ação junto com nossos parceiros, com isso, fortalecemos muito a economia circular, a arrecadação e destinação correta dos resíduos, aumentamos a vida útil do Aterro Sanitário, além de apoiar a Associação dos Catadores de Toledo, fortalecendo o rendimento mensal desses membros e conectados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. O evento foi muito positivo e aguardamos novas ações”, avaliou o secretário. 

Em visita ao Aterro Sanitário nesta quinta-feira (18), o prefeito Beto Lunitti reforçou a importância da destinação correta de cada resíduo. “A situação é preocupante, percebemos que muitas pessoas não destinam corretamente o seu lixo. Existe uma imensa quantidade de resíduos no Aterro que poderia ir direto para a reciclagem. Se isso acontecesse, os 15 milhões de reais investidos na construção de uma nova célula poderiam ter outra destinação. Então sim, reciclar é preciso”, afirmou Lunitti. 

O coordenador do Núcleo ODS Toledo, Dielson Kleber Pickler, reforçou a importância da campanha e da mudança de hábitos. “Tivemos um excelente envolvimento da comunidade e das instituições parceiras na campanha do Eletrônico Não é Lixo e na Blitz da Sustentabilidade. Porém, o mais importante foi demonstrar para as pessoas que é possível fazer a destinação correta desses resíduos durante todo o ano, não somente durante a campanha. Ficaremos extremamente felizes quando isso se tornar um hábito na casa e no trabalho de cada cidadão”, salientou Pickler. 

Além dos colégios estaduais, foram disponibilizados outros 13 pontos de coleta no município que envolveu os seguintes parceiros: Unioeste, MA Máquinas, Sesc, as secretarias de Esportes, Educação e Saúde, Prati-Donaduzzi, Núcleo Regional de Educação, Funet e Prefeitura.