Sanepar anuncia construção de rede de esgoto no Panorama/São Francisco

Publicado: Qua, 18/01/2023 17:35 | Modificado: Sex, 20/01/2023 09:28
  • Com investimento estimado em mais de R$ 40 milhões, obra concretiza sonho antigo das comunidades; notícia foi dada em reunião na manhã desta quarta (18)
    Com investimento estimado em mais de R$ 40 milhões, obra concretiza sonho antigo das comunidades; notícia foi dada em reunião na manhã desta quarta (18)

 

Em encontro realizado na manhã desta quarta-feira (18) na Sala de Reuniões do Gabinete do Prefeito, representantes da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) fizeram um anúncio aguardado há bastante tempo: a instalação da rede coletora de esgoto nos bairros Panorama e São Francisco. A obra, com previsão de término em 2024, receberá investimentos superiores a R$ 40 milhões, R$ 33 milhões para a ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Rio Toledo e o restante na construção da rede coletora, beneficiando cerca de 6.000 imóveis localizados no perímetro formado pela Avenida Egydio Munaretto, PR 585, Rio São Francisco, Vila Rural Félix Lerner, Rua Antônio Bressam, Avenida Attílio Fontana, José Langer, Augustinho Donin, Willy Tresch e Mário Fontana.

O chefe do Executivo Municipal e o vice-prefeito celebraram a notícia. “Esse investimento representa a solução da demanda mais complexa que temos em Toledo na área de saneamento básico. Depois que estas obras estiverem prontas, a nossa cobertura dos serviços de esgoto será superior a 90% dos imóveis da sede, percentual necessário para o nosso sistema ser considerado como ‘universalizado’”, comenta o prefeito Beto Lunitti. “Na condição de morador desta região, fico muito contente em ver que este sonho antigo da comunidade será concretizado em breve. Mais do que merecerem, os moradores precisam do acesso a este serviço”, destaca Ademar.

Acompanhado do coordenador de Planejamento da Sanepar, João Carlos Lopes, o gerente regional da companhia, Eduardo Luiz Arrosi, destaca que houve um adiantamento no cronograma de investimentos para que esta obra começasse a ser viabilizada. “Estamos atendendo a um pedido do governo municipal, pois também julgamos ser mais conveniente realizar tal intervenção neste momento, de forma paralela à reurbanização da Rua Carlos Sbaraini, pois, assim, evita-se que quebre calçadas e o asfalto das vias duas vezes num curto intervalo de tempo. Nossa intenção é impactar o mínimo possível na rotina dos moradores do Panorama e do São Francisco”, observa.

 

Pauta

O investimento no Panorama/São Francisco não foi o único tema tratado na reunião. Os representantes da Sanepar aproveitaram a ocasião para tratar de outras questões relacionadas ao serviço de saneamento básico no município, como a colaboração da companhia na consolidação de dois dos maiores projetos de moradia popular em andamento em Toledo: o Egon Pudell e o Lote Social. 

Em relação ao primeiro conjunto, Eduardo informou que a Sanepar entregará projeto e planilha de orçamento (que já estão prontos) à Secretaria de Planejamento, Habitação e Urbanismo, mas que caberá ao município arcar com a contratação global (mão de obra e material) inerentes à instalação da rede de água, esgoto e galerias pluviais – a empresa vencedora da licitação para a construção das residências foi conhecida recentemente e depende só do aval da Caixa Econômica para iniciar os trabalhos. Em relação ao Lote Social, também há a intenção de se fazer o mesmo.

O gerente também comunicou que está previsto para março o término do processo de descaracterização das ETEs. Estas estruturas funcionavam dentro da área urbana e, a pedido da população e por obrigação contratual prevista na concessão firmada entre município e Sanepar, precisaram ser demolidas e recuperadas para posteriormente serem doadas ao município, que transformará estas áreas em parques.