CJUs de Toledo orientam jovens a fazer ou renovar as matrículas no início do ano

Publicado: Ter, 09/01/2024 17:40
  • Recomendação feita pelos Centros da Juventude do Coopagro e do Europa visa à garantia de que frequentadores continuem usando normalmente a estrutura dos espaços
    Recomendação feita pelos Centros da Juventude do Coopagro e do Europa visa à garantia de que frequentadores continuem usando normalmente a estrutura dos espaços

 

As coordenações dos Centros da Juventude Marcio Antonio Bombardelli (CJU/Europa) e Mariana Luiza Von Borstel (CJU/Coopagro) recomendam que as matrículas para 2024 sejam efetivadas o quanto antes. Destinado tanto para quem já utiliza quanto para quem deseja frequentar estes equipamentos públicos, o procedimento deve ser realizado de forma presencial por jovens com idade entre 12 e 29 anos de idade, que devem levar RG, CPF e comprovante de residência – menores de 18 anos devem estar acompanhados de um dos pais ou responsáveis legais.

A partir da matrícula, o jovem já passa a ter acesso a várias atividades, como futsal, vôlei, rodas de conversa, palestras, momentos recreativos, biblioteca, tênis de mesa, natação (só no CJU Europa) e pista de skate (apenas no CJU Coopagro). “As inscrições podem ser feitas o ano todo, mas pedimos para já fazê-la em janeiro para que o nosso público desfrute de toda esta estrutura pelo maior tempo”, destaca o diretor de Políticas para Infância e Juventude da Secretaria de Políticas para Infância, Juventude, Mulher, Família e Desenvolvimento Humano (SMDH), Wellington Cassio Barbosa da Silveira. 

Para mais informações, os CJUs disponibilizam os números (45) 3196-2420 (Coopagro) e 3196-2425 (Europa) para ligações em horário comercial.

Agente da Cidadania – O diretor pontua que os inscritos também podem fazer parte do Programa Agente de Cidadania, no qual o jovem com, no mínimo, 14 anos de idade, pode fazer um projeto na área de seu interesse (esportiva, recreativa, de comunicação, ambiental, musical, pedagógico etc) e receber uma bolsa mensal de R$ 306,00 do Governo do Estado. Esta atividade requer supervisão dos servidores dos CJUs e deve ter carga horária de 10 horas semanais e 40 horas mensais.

Estar matriculado no Ensino Fundamental ou Ensino Médio e ter a família inscrita no Cadastro Único (CadUnico) com renda mensal total de até um salário mínimo são pré-requisitos para participar do Agente da Cidadania. Os Centros da Juventude orientam os candidatos da elaboração à execução do projeto, que pode ter duração de até 2 anos.