Em uma semana, casos confirmados de dengue em Toledo sobem 59,75%

Publicado: Sex, 09/02/2024 17:43 | Modificado: Qua, 14/02/2024 17:23
  • Número de testes positivos é de 516, mas pode crescer significativamente, pois há 525 exames sendo analisados; até o momento, município registrou 1.667 notificações
    Número de testes positivos é de 516, mas pode crescer significativamente, pois há 525 exames sendo analisados; até o momento, município registrou 1.667 notificações
  • Número de testes positivos é de 516, mas pode crescer significativamente, pois há 525 exames sendo analisados; até o momento, município registrou 1.667 notificações
    Número de testes positivos é de 516, mas pode crescer significativamente, pois há 525 exames sendo analisados; até o momento, município registrou 1.667 notificações

 

A Secretaria de Saúde de Toledo (SMS) divulgou, na tarde desta sexta-feira (9), o boletim epidemiológico da dengue. Até às 17h, o município registrou 516 casos da doença, 59,75% a mais que na semana passada (323, em 2 de fevereiro) – número que pode crescer significativamente, pois há 525 pessoas com sintomas da doença aguardando resultado do exame.

Somando os casos confirmados, em análise e os 626 que já foram descartados, 1.667 pessoas com sintomas da doença (manchas avermelhadas na pele, dor abdominal, febre, dor no corpo, cansaço, entre outros) procuraram os serviços públicos e privados de saúde desde 1º de agosto de 2023, início do atual ano epidemiológico. 

Estes dados chamam a atenção para algo que já vinha sendo percebido desde setembro do ano passado: a antecipação do ápice de casos. No ano epidemiológico 2021/2022, este patamar de confirmações foi atingido na segunda quinzena de abril; em 2022/2023, na primeira quinzena de maio.

Todos precisam ajudar – Dessa forma, a SMS, por meio do setor de Controle e Combate às Endemias, reforça o pedido para a população redobrar as ações de combate e prevenção ao mosquito nos imóveis onde mora e trabalha, impedindo que este se reproduza em locais onde a água pode acumular, tais como vasos, pneus, garrafas, calhas, plantas, entre outros lugares.  Também recomenda às pessoas que apresentarem sintomas de dengue a procurarem imediatamente atendimento médico, evitando os quadros mais graves da doença. 

Outro ponto fundamental para frear a disseminação da dengue em nosso município, é fundamental a realização das vistorias pelos agentes de combate a endemias (ACEs) nos imóveis. Dessa forma, quando baterem em sua casa, facilite o trabalho deles e siga todas as orientações que forem dadas.

Defesa Civil – Com o intuito de fortalecer ainda mais o combate ao mosquito, integrantes da Defesa Civil de Toledo estiveram reunidos, na última quinta-feira (9), com a coordenação do Setor de Controle e Combate a Endemias. Durante o encontro, foram coletadas informações sobre o que já está sendo feito e o que está sendo planejado para ampliar ainda mais a mobilização. “O intuito desse momento é apresentar o que já foi feito até aqui, pensarmos em ações de sensibilização e prevenção, e também em traçar e planejar novas iniciativas para conter o avanço da doença”, observa o prefeito Beto Lunitti. 

Além do gestor toledano, participaram do encontro a coordenadora do Setor de Controle e Combate a Endemias, Lilian Konig; os secretários municipais de Meio Ambiente, Júnior Henrique Pinto, e de Infraestrutura Urbana e Rural e de Serviços Públicos, Maicon Bruno Stuani; bem como integrantes da Guarda Municipal e da Secretaria de Saúde.

Próximos passos – Para o próximo dia 17 (sábado) está programado o terceiro Ecoponto Itinerante do ano nos bairros Bressan e Cesar Park. As associações comunitárias dos dois bairros darão apoio à iniciativa, que contará com moradores, estudantes do Colégio Estadual Dario Vellozo e integrantes do projeto Mãos que Ajudam (A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias) entre os voluntários. 

Para a manhã do próximo dia 24 (sábado) o comitê planeja um movimento coletivo que consistirá em uma marcha na qual defensores da causa andarão por lugares com grande movimentação de pessoas, provavelmente na área central. Na ocasião, os participantes levarão faixas e cartazes com mensagens de conscientização.