Unidade Sentinela abrirá aos sábados e três UBS’s terão horário estendido

Publicado: Qui, 14/03/2024 18:11
  • Unidade Sentinela abrirá aos sábados e três UBS’s terão horário estendido
    Unidade Sentinela abrirá aos sábados e três UBS’s terão horário estendido

 

Devido ao aumento de pessoas com sintomas de Dengue, a Secretaria de Saúde anunciou, nesta quinta-feira (14), a ampliação dos serviços de acolhimento aos pacientes com suspeitas da doença. A Unidade Sentinela, já no próximo sábado (16), contará com atendimentos das 7h às 19h, além de horários estendidos nas Unidades Básicas de Saúde dos Jardins Panorama, Concórdia e Cosmos até às 21h a partir da próxima segunda-feira (18). 

O anúncio foi feito pelo prefeito Beto Lunitti e a secretária de Saúde Gabriela Kucharski em um vídeo nas redes sociais oficiais da Prefeitura de Toledo.  A medida foi tomada por conta da grande procura por consultas no Pronto Atendimento Municipal Doutor Jorge Nunes (PAM/Mini Hospital) e na Unidade de Pronto Atendimento José Ivo Alves da Rocha (UPA/Vila Becker). “A busca por atendimento nestes dois pontos extrapola a normalidade, o que tem gerado um tempo maior de espera nestes locais”, disse o prefeito Beto Lunitti.

A ação tem por objetivo diminuir a concentração de pessoas nas unidades de urgência e emergência. “Em alguns dias, ultrapassamos a marca de 800 pacientes no PAM/Mini Hospital, Unidade Sentinela e UPA/Vila Becker. Mesmo com o reforço nas escalas de médicos, enfermeiros e demais profissionais de saúde, entendemos que ainda existem muitos pacientes que estão com dificuldade de acesso aos serviços de saúde. Por isso optamos por esta solução”. Sobre a ampliação do número de profissionais, Gabriela destacou o esforço da Secretaria de Recursos Humanos (SRH) na busca por contratações via Processo Seletivo Simplificado (PSS). 

Ao final, o prefeito toledano voltou a reforçar a necessidade dos cuidados. “Mantenha seu quintal limpo. Participe do combate ao mosquito danado que está levando muita gente para os pronto atendimentos e para os hospitais. Você faz parte da solução. O poder público está fazendo sua parte”, concluiu.