Educação ministra formação para professores novos de escolas e Cmeis

Publicado: Ter, 23/01/2024 17:25
  • Contratados durante o ano de 2023, 132 profissionais tiveram férias mais curtas e estão aperfeiçoando conhecimentos sobre assuntos inerentes às suas rotinas
    Contratados durante o ano de 2023, 132 profissionais tiveram férias mais curtas e estão aperfeiçoando conhecimentos sobre assuntos inerentes às suas rotinas
  • Contratados durante o ano de 2023, 132 profissionais tiveram férias mais curtas e estão aperfeiçoando conhecimentos sobre assuntos inerentes às suas rotinas
    Contratados durante o ano de 2023, 132 profissionais tiveram férias mais curtas e estão aperfeiçoando conhecimentos sobre assuntos inerentes às suas rotinas
  • Contratados durante o ano de 2023, 132 profissionais tiveram férias mais curtas e estão aperfeiçoando conhecimentos sobre assuntos inerentes às suas rotinas
    Contratados durante o ano de 2023, 132 profissionais tiveram férias mais curtas e estão aperfeiçoando conhecimentos sobre assuntos inerentes às suas rotinas

 

A maioria dos mais de 2.000 professores da rede municipal de ensino de Toledo está nos últimos dias de férias, mas parte da categoria voltou ao trabalho mais cedo. São os profissionais contratados durante o ano de 2023 e, por essa razão, tiveram um período de descanso proporcionalmente menor e, enquanto esperam o retorno de todos os colegas, participam de formações que estão sendo promovidas pela Secretaria Municipal da Educação (Smed), em sua sede.

Ao todo, 132 profissionais – 84 do Ensino Fundamental/Séries Iniciais, 36 da Educação Infantil e 12 de Educação Física – estão recebendo desde o último dia 2, orientações sobre diversos assuntos inerentes às suas rotinas no ambiente escolar. O conteúdo programático da formação inclui apresentação dos principais pontos dos principais documentos do Sistema Municipal de Ensino, explanação dos direitos e deveres previstos no Estatuto do Servidor Público Municipal (parceria com a Secretaria de Recursos Humanos), módulo de primeiro socorros (ministrado por integrante do Corpo de Bombeiros), diretrizes sobre o conteúdo lecionado na disciplina de Ensino Religioso, roteiros de estudos do programa Conhecendo Toledo, e encaminhamentos para os serviços de Fonoaudiologia e de Serviço Social (programa Toda Criança na Escola) da Smed.

Os principais projetos da atual gestão na Educação também têm espaço especial nesta formação para os professores novos. São os casos do programa Aluno Conectado, que inclui atividades relacionadas à robótica e à plataforma X-Saber, e estudos referentes ao Referencial Curricular Próprio do Sistema Municipal de Ensino de Toledo, lançado no fim de 2023 e que passa a vigorar a partir deste ano letivo. 

 

Volta às aulas

A formação dos professores novos da rede municipal de ensino termina nesta quarta-feira (24). No dia seguinte, ocorre o retorno às atividades de toda a categoria, ocasião em que participarão de formações continuadas e farão o planejamento do ano letivo, que se inicia no próximo dia 5.

A primeira etapa da formação será na segunda e terça da próxima semana (29 e 30), e contemplará titulares de turmas de Infantil 4 e Infantil 5, que se reunirão presencialmente nas salas de aula do câmpus I da Universidade Paranaense (Unipar). Nos dois dias seguintes (31/1 e 1/2), todos os professores, em seus respectivos locais de trabalho, estarão reunidos para elaborar o Projeto Político-Pedagógico da escola ou centro municipal de educação infantil (Cmei) em que atuam. “A última versão deste documento é de 2020 e vence neste ano. Portanto, é fundamental que seja elaborado uma nova edição, contemplando  a realidade e tudo o que é realizado nas escolas e Cmeis”, pontua a diretora do Departamento de Ensino da Smed, Dirce Maria Steffens Kuzler

A parte final, na sexta-feira (2/2), será realizada em dois locais: enquanto os professores de Educação Infantil de Cmeis e escolas ficarão no auditório da Unipar, os do Ensino Fundamental/Séries Iniciais estarão no Teatro Municipal de Toledo. De forma alternada, os dois grupos terão acesso ao mesmo conteúdo: a palestra “Educação e Futuro: desafios, impactos e ressignificação da ação docente”, com o mestre em Tecnologias Emergentes em Educação pela Musy University (EUA), João Ivair Motta Filho; e a apresentação, pelos coordenadores  da Smed do Referencial Curricular para o Sistema Municipal de ensino de Toledo.

Dirce destaca que uma cópia impressa deste documento será entregue a cada professor. “É um assunto sobre o qual vamos debater bastante durante este ano, tanto que a Smed vai oferecer uma programação com 40 horas de formação com base no Referencial Curricular Próprio. É importante que todos o conheçam, que tenham  uma noção bastante clara a respeito do seu conteúdo, pois ali contém as diretrizes que nortearão as ações no Sistema Municipal de Ensino de Toledo pelos próximos anos”, salienta.